Atendimento é feito por vídeo chamada e segue os mesmos protocolos de consultas presenciais. Serviço é oferecido tanto para servidores, terceirizados e alunos, quanto para a sociedade em geral. Três nutricionistas e uma psicóloga estão oferecendo consultas gratuitas durante a pandemia por meio de vídeo chamada em Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense. Os profissionais fazem parte da equipe do projeto de extensão “Ambulatório de Nutrição” da Universidade Estadual do Norte Fluminense (Uenf).
Vinculado ao Laboratório de Tecnologia de Alimentos, o programa tem como objetivo mostrar os benefícios que a educação alimentar tem para o dia-a-dia e reforçar que a nutrição não é uma conduta restritiva.
A iniciativa já existe há dois anos, mas, com a pandemia e a suspensão das atividades presenciais na universidade, precisou ser adaptada para uma nova realidade.
As consultas online seguem o mesmo protocolo das presenciais e são destinadas a quem precisa de acompanhamento para o tratamento de doenças ou para aqueles que desejam ter uma alimentação saudável.
A equipe também está disponível para esclarecer dúvidas, dar dicas sobre alimentação, armazenamento e higienização de alimentos. De acordo com as profissionais os resultados já estão sendo positivos.
“Nós temos como objetivo a reeducação alimentar, não uma dieta restritiva. Atuamos de forma qualitativa, ensinando a fazer a escolha e sobre o benefício de optar por um alimento saudável. Muitos pacientes já emagreceram bastante, melhoraram a alimentação e estão satisfeitos com os resultados”, conta a nutricionista Maria Aparecida Dias.
O atendimento começa no acolhimento e o intervalo do acompanhamento é definido de acordo com a necessidade do paciente. Após a avaliação do nutricionista, as profissionais avaliam se o paciente precisa ou não de acompanhamento psicológico.
“Temos a proposta de realizar o atendimento psicológico em grupos. Fazemos até dois contatos individuais e depois vamos definir, junto com os pacientes, as afinidades com os grupos. A ideia é, através da psicoterapia existencial, ir ampliando o pensamento, a percepção, trabalhando escolhas e a responsabilidade”, explica Lucyenne Rosas, psicóloga voluntária do projeto.
Para saber mais sobre o projeto e como se inscrever, basta entrar em contato por mensagem de WhatsApp nos números (22) 99870-4019, (22) 99862-4691, (22) 99788-5405 ou (21) 99229-1072.
Veja outras notícias da região no G1 Norte Fluminense.